quarta, 11 de janeiro de 2017 - 10:41h
Super Fácil completa 15 anos e chega à marca de 56 milhões de atendimentos
Só nos últimos dois anos foram mais de 9 milhões de atendimentos na Capital e no interior
Por: Janaina Moreira .Colaboradores: Neuciane Lima
Foto: Arquivo Super Fácil
Unidades do Super Fácil estão espalhadas pelo estado e prestam diversos serviços à população

Criado em 14 de dezembro de 2001, através da Lei 0639/2001, como Central de Atendimento à População (CAP) e inaugurado oficialmente em 11 de janeiro de 2002, com o objetivo de proporcionar ao cidadão um alto padrão de atendimento com qualidade e eficiência, concentrando em um único espaço físico a prestação de diversos serviços públicos, viabilizando à população a redução de tempo e custo.

Na época havia apenas uma unidade e oferecia apenas 20 serviços nas esferas Municipal, Estadual e Federal.

Em 2003 um novo modelo de gestão foi criado. Isso aconteceu no governo de Waldez Góes, que observou a grande procura pelos serviços e percebeu a necessidade da expansão e diversificação dos mesmos.

Através da Lei nº 0811, de 20 de fevereiro de 2004, regulamentada em 31 de janeiro de 2005, foi criado o Sistema Integrado de Atendimento ao Cidadão (Siac), que veio facilitar ainda mais a vida do cidadão amapaense, dando oportunidade de cidadania colocando a disposição serviços públicos essenciais.

A expansão do sistema

A partir daí, o Súper Fácil expandiu sua rede de atendimentos, implantando em 2006 três novas unidades, sendo uma em Santana, uma na Zona Norte da Capital, e outra no município de Laranjal do Jari.

Entretanto, para acompanhar esse crescimento novas parcerias foram firmadas. Com novos parceiros no rol de serviços ofertados pelo Siac, foi possível oferecer um maior número de atendimentos em um mesmo espaço físico.

E a expansão do Siac, não parou por aí. Em 2010, foram inauguradas as unidades do Município de Tartarugalzinho, localizada estrategicamente no Terminal Rodoviário do Município, onde circula diariamente um grande número de pessoas; da Zona Sul de Macapá, localizada no Bairro Novo Buritizal; e de Oiapoque, para que a população daquele município pudesse resolver seus problemas sem precisar se deslocar até a capital.

Dando continuidade ao crescimento do sistema e visando a descentralização dos serviços, mais três unidades foram implantadas no ano de 2012. Desta vez, os municípios contemplados foram Pedra Branca do Amaparí, Calçoene e Ferreira Gomes.

Em 2013 Macapá foi contemplada com mais uma unidade. Desta feita, a do Bairro do Beirol, onde os moradores também dos bairros adjacentes passaram a contar com o atendimento de excelência, oferecido pelo Super Fácil.

Atual gestão

Mas, foi em 2015 que o governador Waldez Góes, com a intenção de resgatar a identidade da instituição e a essência para o qual foi criada, que nomeou o atual diretor geral Alessandro Agra, que teve como meta fazer com que o Super Fácil voltasse a desempenhar o seu verdadeiro papel dentro da sociedade.

A partir daí, o Super Fácil pôde voltar a exercer sua missão que é de “atender com respeito e igualdade à população em busca de serviços, no exercício de seus direitos, oferecendo qualidade e eficiência”.

Ao longo de 15 anos de existência diversos parceiros das esferas Municipal, Estadual e Federal, atuam dentro das unidades do Siac. São órgãos que prestam serviços diferenciados e que, com certeza, contribuem para a melhoria da qualidade de vida da população amapaense.

Retomada das parcerias

Nos últimos dois anos os avanços foram ainda maiores. Serviços que há meses não eram oferecidos foram reativados através de parcerias. Serviços como Seguro Desemprego, que é um dos mais procurados nas unidades, estão sendo realizados novamente no boxe da Secretaria do Trabalho e Emprego (Sete).

Outro serviço essencial à população, que por falta do envio de cédulas pela Casa da Moeda estava sendo realizado precariamente, foi o da emissão da Carteira de Identidade que já está normalizado nas unidades.

A Companhia de Eletricidade (CEA) também retornou com seus serviços para as Unidades do Siac, dando mais uma opção aos usuários, para resolver pendência relacionada ao consumo de energia elétrica.

Também retornaram ao Siac os serviços da Defensoria Pública do Estado (Defenap), na Unidade Centro. O objetivo é descentralizar o atendimento da Defensoria e alcançar o maior número de pessoas. Os serviços estavam paralisados há mais de dois anos
Outro serviço bastante procurado que teve seu retorno garantido ao Siac foi o do INSS, que agora está presente em quase todas as unidades da Capital, exceto no Centro e Santana. O referido serviço possui um grande diferencial na Unidade Zona Sul, com o atendimento de Perícia Médica.

O Super Fácil, em parceria com a Escola de Administração Pública (EAP), capacitou em 2016 mais de 500 funcionários através do Projeto de Valorização do Servidor, que ofertou os cursos de Motivação e Desempenho no Trabalho e Liderança e Desempenho de Equipes. A medida teve como objetivo proporcionar aos funcionários melhoria e qualificação profissional e excelência nos serviços aplicados no ato do atendimento ao usuário. A EAP ainda vem realizando, através do referido Projeto, diversos cursos em várias áreas do conhecimento destinado aos funcionários do Siac.

Novos serviços

O Instituto Penitenciário do Amapá (Iapen) disponibiliza a emissão do Cartão do Visitante para familiares e amigos dos internos. Além disso, presta atendimento social e oferece palestra motivacional, informativa e de instrução à família do preso.

Outra conquista recente foi a implantação da Agência dos Correios nas unidades Beirol e Zona Sul, que oferece os serviços do Banco Postal. Sendo que esse era um dos maiores anseios da população daqueles bairros que precisavam se deslocar para o Centro da Capital para resolver suas pendências.

No Siac Zona Norte também foram implantados serviços voltados à comunidade indígena, onde o Estado instituiu quatro gerências para tratar de qualquer assunto relacionado à população indígena.

Também foram assinados convênios com várias instituições como, Faculdade Fama, Escola de Inglês Fisk, Colégio Pódium, Serviço Social do Comércio (SESC), Academia Energy Sport, Clínica e Laboratório Mediclin e Escola Meta. Tudo isso visando beneficiar com descontos significativos em mensalidades os funcionários e seus dependentes, como forma de valorizar o servidor.

Na Unidade de Pedra Branca do Amaparí a comunidade também já pode realizar a emissão do Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). Antes emitido somente na Prefeitura do Município.

Serviços da Receita Federal foram implantados nas unidades do interior, onde o contribuinte tem acesso aos serviços on-line através do Autoatendimento Orientado, sem precisar se deslocar a Macapá ou enfrentar filas para receber o atendimento.

Super Fácil Santana oferece serviços do Instituto de Desenvolvimento Rural do Amapá (Rurap). O serviço foi implantado, para prestar orientações aos produtores da região.

Revitalização das unidades

Em 2016 as unidades do Super Fácil receberam novas centrais de ar e serviços de manutenção nas existentes, com o objetivo de oferecer melhor conforto e comodidade aos funcionários e usuários.

A rede física das unidades do Siac passou por um processo de revitalização e recebeu manutenção nos banheiros, além de reparos nas redes elétrica e hidráulica, serviços de pintura, reforma de rampa de acesso, substituição das luminárias que se encontravam queimadas.

Ainda em 2016 o Super Fácil adquiriu 110 novas cadeiras, que substituíram algumas que já estavam sendo usadas há dez anos. A diretoria também substituiu os computadores utilizados para o atendimento nas unidades por equipamentos mais modernos.

Economia

A atual gestão do Siac, com o objetivo de reduzir gastos desnecessários e equilibrar as finanças da instituição, conseguiu reduzir em 30% os custos com aluguéis de computadores. O Siac conseguiu reduziu em 40%, os custos com contratos de vigilância, limpeza e aluguel.

Ações sociais e itinerantes

Nos anos de 2015 e 2016 o Siac participou efetivamente de ações sociais e coordenou, através da Coordenadoria de Projetos Especiais, as ações de governo.

Estatística de atendimentos

O Super Fácil está presente em oito municípios do Estado (Macapá, Santana, Laranjal do Jari, Tartarugalzinho, Pedra Branca do Amapari, Calçoene, Oiapoque e Ferreira Gomes).

Em 2016 totalizou 4.852.895 atendimentos, somados entre suas unidades fixas na Capital e nos municípios.

Em apenas dois anos da atual gestão, o Super Fácil realizou 9.074.327 atendimentos.

O Sistema Integrado, desde sua inauguração em janeiro de 2002, até dezembro de 2016, já alcançou a incrível marca de 56.270.000 atendimentos.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá