quinta, 04 de maio de 2017 - 16:09h
Servidores do Iapen discutem impactos das redes sociais no sistema prisional
A palestra frisou as causas e efeitos do uso indevido dessas ferramentas dentro do sistema prisional
Por: Ney Pantaleão .Colaboradores: Elden Carlos, Márcio Bacelar, Diego Ferrari
Foto: Ney Pantaleão
A palestra foi ministrada pelo advogado Aurniey Brito e ocorreu no auditório da Academia Integrada de Formação e Aperfeiçoamento

Uma palestra orientou agentes e educadores penitenciários sobre a utilização das suas redes sociais, com enfoque nas causas e efeitos do uso indevido dessas ferramentas dentro do sistema prisional. A palestra, promovida Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), aconteceu nesta quinta-feira, 4, e teve como título "O servidor penitenciário nas redes sociais".

De acordo com o diretor do Iapen, Lucivaldo Costa, a adoção de medidas que garantam a segurança do presídio e dos próprios servidores já vem sendo discutidas dentro de uma política de Segurança Pública elaborada pelo Governo do Estado. A palestra, ministrada pelo advogado Aurniey Brito, é uma delas.

“Essa é a primeira de uma série de ações que buscam melhorar a relação pessoal e interpessoal dos servidores. Apesar de ser uma penitenciária, o Iapen apresenta diversos outros atendimentos como assistência jurídica, serviço social e atendimento médico”, explica. Segundo ele, em média, são realizados cerca de 60 atendimentos de saúde. "Temos lutado pela humanização no sistema prisional e muitas coisas boas estão sendo executadas para isso", concluiu.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá