quinta, 06 de abril de 2017 - 18:52h
Estudantes de arquitetura conhecem projeto habitacional do Perpétuo Socorro
Objetivo é produzir novas alternativas com os universitários e exercitar novas ideias em conjunto com a secretaria.
Por: Andreia Freitas
Estudantes vão contribuir com a SDC, no projeto que será desenvolvido no bairro Perpétuo Socorro

Com o objetivo de conhecer detalhes e se envolver no programa habitacional Perpétuo Socorro, cerca de 15 estudantes do curso de arquitetura e urbanismo da Universidade Federal do Amapá (Unifap) estiveram na quinta-feira, 06, na Secretaria do Desenvolvimento das Cidades (SDC). Durante o encontro, coordenado em conjunto com a professora de arquitetura Bianca Moro, os estudantes da universidade pública puderam conhecer o projeto de intervenção da área do Perpétuo Socorro sobre os diferentes aspectos envolvidos no trabalho de habitação e de interesse social.

O encontro aconteceu na sala de reuniões da SDC, com os técnicos responsáveis pela apresentação do estudo de concepção do projeto habitacional do bairro, onde ocorreu, em 2013, um incêndio que desabrigou quase 400 famílias e destruiu 250 casas.

Com a participação desses alunos será possível desenvolver um trabalho na área habitacional, envolvendo questões urbanísticas e também na construção de um cadastro técnico social. Com essa ótica acadêmica será possível identificar as tipologias de habitação existentes no local e demais percepções dos alunos na hora de fazer o cadastro. Além de proporcionar um aprendizado aos estudantes de arquitetura e urbanismo.

Segundo Bianca Moro, a maioria dos estudantes é cheia de expectativas para aplicar seus conhecimentos na prática. “Mas quando eles chegam à comunidade têm um ‘choque de realidade’ diante dos problemas existentes e percebem que, muito mais do que erguer uma casa, é preciso melhorar a infraestrutura do entorno”, contou a professora.

Será uma oportunidade de interação para secretaria das cidades, levando a visão de trabalho da SDC e suas atribuições para os um espaço acadêmico, e ainda possibilitar uma experiência de vida humana para esses alunos da Unifap. “Nós vamos envolver o trabalho deles com a sociedade civil organizada no bairro Perpétuo Socorro. Não será apenas o poder público interagindo com a classe acadêmica, mas o poder público, a classe acadêmica e a sociedade interagindo juntos. Sem dúvida, estes alunos nunca mais esquecerão tudo que aprenderão neste projeto do bairro Perpétuo Socorro”, afirmou o secretário Alcir Matos.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá