quinta, 03 de junho de 2021 - 09:36h - 5074
‘Essa cesta garante a comida para minha família’, diz artesã beneficiada pelo Comida em Casa em Laranjal do Jari
Entrega aconteceu na tarde desta quarta-feira, 2, e alcançou mais de 1.860 pessoas. Município sofre com enchente que desabrigou várias famílias.
Por: Henrique Borges
Foto: Maksuel Martins
A artesã Virgìnia Souza, 75 anos, foi uma das beneficiadas com o Comida em Casa

Virginia Souza Balieiro, de 75 anos, é presidente da Associação dos Artesãos de Laranjal do Jari (Artelaje) e, assim como muitos trabalhadores de outros segmentos tem sofrido com a pandemia e, uma cesta de alimentos do programa Comida em Casa chegou em boa hora. Nesta quarta-feira, 2, o Governo do Estado fez a entrega de 1.860 kits de mantimentos em Laranjal do Jari.

"Moro com meu filho e minha nora, trabalhando todos os dias com o artesanato para garantir nosso alimento, mas a vida não tem sido fácil com a pandemia. Não vendemos quase nada, por isso estou muito feliz e agradeço a Deus e ao governador Waldez por essa cesta de alimentos, que garante a comida para minha família por muitos dias", disse Virgínia.

Outras categorias também foram beneficiadas, como pescadores, catraieiros, feirantes, taxistas e mototaxistas, artesãos, dentre outros. O presidente do Sindicato dos Mototaxistas de Laranjal do Jari, Jackson Moraes, disse que o programa vai possibilitar melhor condição de vida nesse período difícil em que o município passa.

“É muito importante esse alimento. Acredito que não só os mototaxistas, mas todas as entidades contempladas estão muito satisfeitas. O nosso município está passando por esses dois fatores difíceis, que são o vírus e a enchente. Mas essa iniciativa vai nos garantir uma melhor condição”, comemorou Jackson Moraes.

As cestas de alimentos são compostas por 16 itens diferentes, incluindo arroz, feijão, óleo, leite em pó, macarrão, açúcar, café, farinha, e entre outros produtos, que somam 43 volumes que cada pessoa vai receber. No total foram investidos mais de R$ 13 milhões para garantir a segurança alimentar desses trabalhadores.

“Entidades de vários segmentos estão sendo contempladas, alcançando várias famílias que sofrem nesse momento de pandemia e enchente, garantindo assim a sua alimentação”, enfatizou a secretária de Estado de Inclusão Inclusão e Mobilização Social, Albanize Colares, responsável pela coordenação do Programa, que vai atender os 16 municípios.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá