quarta, 16 de junho de 2021 - 09:57h - 4147
Comida em Casa: Governo entrega cestas para população LGBTQI+ e deficientes
Ação atendeu nesta terça-feira, 15, mais 420 famílias de públicos em vulnerabilidade social.
Por: Jorge Abreu
Foto: Marcelo Loureiro
Waldez Góes destacou que o programa busca garantir a segurança alimentar da população amapaense dos 16 municípios.

O Governo do Estado segue o cronograma do programa Comida em Casa, atendendo novos públicos em vulnerabilidade social. Nesta terça-feira, 15, foram distribuídas 420 cestas para população LGBTQI+, pessoas com deficiência, mulheres em situação de risco, dentre outros grupos.

Acompanhando de perto a distribuição dos alimentos, o governador Waldez Góes destacou que o programa tem como objetivo garantir a segurança alimentar da população amapaense dos 16 municípios.

Nesta primeira etapa, o Comida em Casa conta com 50 mil cestas de alimentos e já atendeu artesãos, taxistas, mototaxistas, atletas, famílias agrícolas, catadores e vítimas da enchente que afetou o Sul do Amapá.

"Criamos estratégias para diminuir os impactos causados pela pandemia tanto na economia como na área de assistência social. É um pacote com quase 30 ações e este programa é uma delas", destacou o governador.

Para o presidente do Conselho Estadual dos Direitos da População LGBTQI+, André Lopes, as 50 cestas entregues à entidade irão ajudar a amenizar a situação de diversas pessoas que já sofriam com a falta de emprego e outros problemas antes da pandemia por questões relacionadas ao preconceito.

"A população LGBTQI+ de Santana será beneficiada com as cestas, prioritariamente as lésbicas, que eram ambulantes e foram prejudicadas pela pandemia, sendo algumas delas mães e chefe de família", destacou.

Jodoval da Costa, de 46 anos, é deficiente visual e foi um dos beneficiados com uma das 50 cestas destinadas ao Conselho Estadual do Direito da Pessoa Com Deficiência (Condeap)

"Muitas pessoas com deficiência vivem em situação de vulnerabilidade. Então, sendo assim, toda ajuda é bem-vinda. O apoio ajuda a diminuir as necessidades diárias", comentou Costa.

Cada cesta possui 43 itens de 16 tipos diferentes de alimentos, como arroz, feijão, óleo, leite em pó, macarrão, açúcar, café, farinha entre outros produtos.

O Comida em Casa faz parte das ações do Estado para auxiliar a população afetada pela crise causada pela pandemia, além do pacote socioeconômico que inclui o pagamento das contas de água, esgoto e energia, adiantamento do 13º do Renda Para Viver Melhor, ampliação do programa Amapá Jovem, continuação do benefício Kit Merenda em Casa, auxílio para bares e restaurantes, redução de impostos, extensão de prazos para pagamento, parcelamento e desconto de débitos com o fisco, dentre outras.

 

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá