terça, 22 de junho de 2021 - 15:00h - 5712
Habitacional Miracema: Governo convoca famílias do cadastro reserva para entrega de documentos
São 35 vagas referentes a candidatos que não compareceram a etapas anteriores do processo.
Por: Worchiely Costa
Foto: Jhon Miranda
fotos no email

A Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinf) começou a atender nesta terça-feira, 22, os candidatos do castrado reserva para inclusão na primeira etapa do Residencial Miracema, localizado na zona norte de Macapá.

São 35 famílias que vão ocupar a vaga de candidatos titulares que não compareceram nas fases anteriores do processo.

Os atendimentos são para entrega de documentos e ocorrem das 8h às 13h no setor de Habitação da Seinf, que funciona na Avenida Fab, Centro de Macapá. Eles seguem até a quarta-feira, 23.

Ainda no dia 23, será feita a análise dos documentos. Nos dias 24 e 25 de junho, será o momento de assinar a declaração do beneficiário.

A exemplo das fases anteriores, os candidatos serão atendidos por ordem de agendamento. E todas as medidas sanitárias serão respeitadas para evitar a contaminação pelo coronavírus.

Confira o edital do processo aqui

Os candidatos que atenderem todas as exigências do Programa Minha Casa Minha Vida, estarão aptos a receber uma casa ou apartamento no residencial.

 

Habitacional Miracema

O residencial vai contar com 2 mil moradias. A primeira etapa já está praticamente concluída, com previsão de entrega para o mês de agosto a famílias que ocupam o entorno do Canal do Jandiá, na capital.

O secretário da Seinf, Alcir Matos, destaca que o Governo priorizou entregar as 500 unidades habitacionais com escola e creche funcionando.

“A escola de ensino fundamental e a creche que serão entregues junto com as casas e apartamentos também já têm obras avançadas. Ainda estão sendo construídos unidade básica de saúde e de policiamento, terminal e ponto de ônibus. Estes outros equipamentos públicos serão entregues nas próximas etapas”, destacou.

O Miracema é um dos maiores projetos de habitação executados pelo Governo do Estado. O projeto recebe investimento de aproximadamente R$180 milhões, sendo recursos do Tesouro Estadual e de emendas da Bancada Federal.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá