sexta, 22 de outubro de 2021 - 16:34h - 1961
120 anos de Amapá: Governo faz busca ativa de novos beneficiários do Renda Para Viver Melhor
Trabalho faz parte da programação coordenada pelo Estado durante o aniversário da cidade, nesta sexta-feira, 22.
Por: Henrique Borges
Foto: Maksuel Martins/Secom
Pais de um bebê recém-nascido, Roberto e Taís fizeram o cadastro e, agora, aguardam a aprovação do benefício.

O Governo do Estado realiza atendimentos de assistência social no município de Amapá para inclusão de novos beneficiários no Programa Renda Para Viver Melhor (PRVM), nesta sexta-feira, 22.

O trabalho faz parte da programação que celebra os 120 anos da cidade, com ações de saúde, cultura e incentivo ao empreendedorismo.

A Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (Sims) coordena os atendimentos na Escola Estadual Vidal Negreiros e busca ativa de beneficiários em domicílio para identificação de critérios de inclusão e regularização no Programa.

Atualmente, no município, são 144 beneficiários com benefício de R$311,00. Com a ação desta sexta, a expectativa é ampliar este alcance para, aproximadamente, mais 60 famílias.

Entre os interressados na inclusão no programa, estão Roberto Moraes, 20 anos, e Taís Ferreira, 17 anos, ambos desempregados, e pais de um bebê recém-nascido.

"Agora vamos aguardar para começar a receber o benefício. É um primeiro passo!", disse o jovem Roberto.

Entre os critérios para participação no PRVM, o beneficiário deve possuir filhos de 0 a 15 anos e em idade escolar; estar em situação de vulnerabilidade social; apresentar renda mínima per capita mensal de até um quarto do salário mínimo vigente.

Assistentes sociais da Sims também percorreram os bairros do município em busca ativa aos beneficiários e de pessoas que realizaram o cadastro.

Deuzamar Melo, 24 anos, tem quatro filhas e mora na parte de trás do terreno da sogra. Ela está desempregada e nunca trabalhou de carteira assinada. Dentro do perfil e atendendo aos critérios, Deuzamar aguarda o parecer favorável do relatório social da Sims.

"Precisamos do benefício porque aqui em casa apenas meu marido trabalha fora, eu cuido das nossas filhas em casa", relatou a dona de casa.

Ainda como parte do trabalho de assistência social, na última terça-feira, 19, o Estado entregou 106 unidades do Cartão Cidadão, com o valor de R$300 para alimentação.

Renda Para Viver Melhor


O Programa tem objetivo de garantir renda mínima às famílias em situação de vulnerabilidade social. O benefício não pode ser concedido cumulativamente com: Benefício do Programa Federal do Bolsa Família; Benefício de Prestação Continuada (BPC); Benefício de Auxílio Reclusão concedido pelo INSS e outros benefícios da Seguridade Social.

A família beneficiária terá direito ao tempo de permanência máximo de 2 anos no Programa, podendo ser prorrogado por mais um, caso constatado a vulnerabilidade social.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá